Descrição do Artista

Sérgio Anders

O mineiro Sergio Anders é o único contratenor brasileiro membro honorífico da Sociedade Estadunidense de Músicos Pi Kappa Lambda National Music Honor Society.

Sergio é professor de canto da Escola de Música da UEMG e também doutorando na Escola de Música da UFMG, onde concluiu seu Bacharelado e Licenciatura em Música. Ainda no Brasil, concluiu uma Especialização em Música de Câmara Brasileira pela UEMG e nos EUA obteve o diploma de Music in Voice Performance pela University of North Dakota e uma Especialização em Música Antiga pela Indiana University.
Cantor efetivo do Coral Lírico de Minas Gerais, Sérgio Anders já integrou o Coral Ars Nova da UFMG, Coro Madrigale e a Camara Antíqua de Curitiba e nessa cidade estudou com Neyde Thomas. Além disso, já atuou como professor do Conservatório Estadual de São João Del Rey e da UFMG.

Sérgio teve o seu debut em ópera como o Cherubino em Le Nozze di Figaro de Mozart, mas já interpetou La Musica e Pastore II em L’Orfeo de Monteverdi, Suor Dolcina em Suor Angelica de Puccini, Ahmal em Ahmal and the Night Visitors e vários outros personagens. No gênero Oratório, foi solista de obras importantes, como o Magnificat, Missa Luterana, Missa em Si Menor e a Canta 161 de Bach, O Messias, Nisi Dominus e Dixit Dominus de Handel e os Requiems de Mozart e Duruflé. Recentemente gravou um cd pela IUMusic, com o pianista Daniel Inamorato, após ter vencido o 2º Latin American Music Recording Competition da Jacobs School of Music.

SITE | YOUTUBE

PROGRAMA

Antonio Vivaldi (1678 – 1741) – 5:00

Vedrò con mio diletto, da ópera Giustino

Henry Purcell (1659 – 1695) – 4:00

Music for a While

Giovanni Battista Draghi, de alcunha Pergolesi (1710 – 1736) – 3:30

Fac, ut portem Christi mortem, do Stabat Mater

Nicola Antonio Porpora (1686 – 1768) – 5:00

Alto Giove, da ópera Polifemo

Georg Friedrich Händel (1685 – 1759) – 9:00

Cara sposa, da ópera Rinaldo

Christoph Willibald Gluck (1714 – 1787) – 4:30

Che farò senza Euridice, da ópera Orfeo ed Euridice

Gioachino Rossini (1792 – 1868) – 4:00

O patria… Di Tanti Palpiti, da ópera Tancredi

Franz Schubert (1797 – 1828) – 5:00

Der Tod und das Mädchen

Nacht und träume

Waldemar Henrique (1905 – 1995) – 2:00

Acalanto

Ernani Braga (1888 – 1948) – 2:00

O Kinimbá